• Acordar, despertar

    Acordar,

    Respirar fundo. Levantar, ir pra janela.

    Olhar lá pra fora, pro céu, pro sol.

    Ver o dia, acordar.

    Despertar.

    Fazer o corpo entender que é um novo dia a começar, uma nova chance, um novo começo. Mais uma chance.

    Acordar, despertar.

    É hora de viver, respirar, saborear a vida igual se saboreia um prato de comida preferido.

    De começar de novo, de partir pra ação, de seguir em frente.

    Um pé depois do outro.

    Andar pra depois correr.

    Despertar.

  • Desabafo da quarentena: mudanças de antes e de depois

    Oi, gente, tudo bem? Espero que sim!

    Hoje eu decidi abrir uma conversa aqui com vocês sobre algumas experiências que eu tenho vivenciado nessa quarentena (eu continuo trabalhando homeoffice, e pelo ritmo das coisas, continuarei até o final do ano).

    Quem você anda sendo, nessa quarentena?

    Agora, em Outubro, que chegamos a marca de 8 meses de quarentena, me fez ficar reflexiva sobre o quanto eu me tornei uma pessoa completamente diferente de quem eu era no início da quarente, pra agora. Digo isso tanto no sentido físico, quanto emocional. Você também é capaz de perceber o quanto mudou?

    Muitas coisas mudaram da forma que não queria, não esperava, tanto dentro quanto fora de mim.

    Eu no começo da quarentena consegui manter meus hábitos: tanto os saudáveis (praticar exercícios, comer bem, ler), mas até aqui poucos permaneceram. O “praticar exercícios” não se manteve tanto quanto eu gostaria, nem o “comer bem”, a não ser a parte em que consegui diminuir quase 70% meu consumo de carne (não como mais carne vermelha, nem frango). O problema foi que muita coisa mudou também, comecei a dar aulas durante o dia inteiro, ficar em casa o dia inteiro me fez comer mais e me sentir um pouco mais ansiosa. Tive um problema no meio do caminho, a descoberta de uma condição no meu útero que me fez ganhar peso e mudou completamente o rumo que as coisas estavam tomando.

    Continuei na psicóloga e vi o quanto eu estava crescendo e amadurecendo. Aquela Giulia do começo da quarentena não mais existia. Aprendi a driblar e lutar contra, dessa vez de verdade, minha ansiedade. Tudo começou a fluir melhor.

    Mas ainda sim, vi hábitos e coisas que eu amava fazer, indo embora. Como por exemplo: ler e estudar. Estudar então, nem se fala.

    Me inscrevi em uns cursos online, tentei continuar com o ritmo, mas simplesmente falhei. Por isso que decidi me inscrever no MBA da USP (que começa agora no fim de Outubro) pra que eu engate de vez e não perca minha “gana” por estudar. Sempre foi algo que eu gostei de fazer, e ao me formar na faculdade, tive medo de me ver só trabalhando, trabalhando o tempo todo, e não mais me dedicar a outras coisas tão importantes quanto.

    Por isso decidi dar esse passo em direção a melhorar minha carreira profissional e investir em uma área que me trás bom retorno e algo que amo atuar, que é a comunicação!

    Ler, estou aos poucos voltando. A questão principal foi que peguei outro livro que não me cativou de primeira, e acabou me fazendo ficar “relaxada” nesse quesito.

    Voltei a praticar exercícios fora de casa (porque vi que em casa não estava dando pra manter, eu precisava fazer algo fora mesmo) e comecei a me exercitar na praia, fazendo funcional. Tem sido gostoso, incrível conhecer pessoas novas, etc, mas já vi que está cada vez ficando mais difícil acordar cedo pra isso. E fazer só duas vezes na semana não está rendendo os resultados que eu esperava. Estou já pensando em mudar meus planos e inserir outra atividade física nessa lista.

    Várias vezes, olhando fotos minhas antes da quarentena, disse não me reconhecer. E, infelizmente, acompanhado de um sentimento de que não gosto do que vejo agora. Mas estou aos poucos trabalhando nisso, lutando para chegar aonde eu gosto de mim, e procurando olhar pra dentro, ver que minha melhor versão está dentro de mim mesma.

    É difícil, mas reconheço que ao menos, estou aceitando esse processo.

  • Ei, voltei!

    Oi, gente, como voces estao?!

    Depois de um tempinho longe daqui, voltei! Agora em uma plataforma melhor, com mais facilidades, e com muito conteudo legal para vocês! Com o crescimento do blog, e a produção de conteudo, notei que eu precisava de uma plataforma melhor e mais profissional para trabalhar.

    E como quem é vivo sempre aparece, aqui estou de volta!

    O blog continuará trazendo conteudo original para vocês, oportunidades de bolsas de estudos e novidades sobre apps, sites, tudo concentrado aqui!

    Eu sei que estamos vivendo tempos difíceis e de distanciamento social, mas o acesso a redes sociais, atualmente, é o que temos.

    E o acesso a informação de todo e qualquer individuo é fundamental e de direito de todos. Por isso mesmo que eu decidi reunir aqui no meu site diversas facetas do mundo da comunicação: bolsas de estudo, dicas de apps, historias autorais minhas, tudo o que você precisa para se manter informado, e, na medida do possível, feliz!

    Espero que encontre a materia perfeita pra você, a dica que precisava, o texto que queria ler.

    Espero voces, nas redes:

    Instagram

    Youtube

    Facebook