Resenha: Laços Fortes

Oi, gente, tudo bem?! Hoje venho trazer a resenha para vocês desse livro que tem uma capa muito linda, mas uma história meio sem pé, nem cabeça. Vamos conferir?!

Sinopse:

Durante o Verão, chega Ethan, um rapaz que atrai a atenção de Liz e Claire imediatamente depois de o terem visto mudar-se com a sua família para o bairro onde vivem. A chegada do Ethan às suas vidas trará uma das provas mais difíceis que uma pessoa pode enfrentar: perder uma longa e bela amizade.

Crítica

Com a capa com essa foto linda, uma sinopse super interessante, caí na rede desse livro. E assim que comecei a ler, logo nas primeiras páginas, me arrependi profundamente.

Por que?!

Bem, para começo de conversa, o livro foi muito mal traduzido: os pronomes foram trocados, artigos estão escritos de forma errada também, as falas as vezes não são sinalizadas – nos deixando sem saber se aquilo é uma fala ou um pensamento do personagem- enfim, que bagunça!

A história é interessante, mesmo com esses erros, dá para se entender o plano geral e o que está se passando: inclusive, me lembrou bastante um romance que seria capaz de vir de John Green, talvez só por causa da condição mental de um dos personagens principais.

O autor cria um ambiente interessante, ele não se aprofunda muito nos personagens, quer dizer, apenas em um deles (Ethan), e não nas meninas, mas de qualquer forma cumpre seu papel ao criar um final bastante emocionante.

Essa questão da escrita errada e erros da tradução, tira bastante o foco do autor ( o livro não chega nem a 100 págs e ainda bem, porque se fosse muito maior que isso, ia se tornar impossível entender a história), por isso a nota vai ter que ser 3.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *